A vasta obra de Haydn, disponível em 12 discos nacionais (1978) – I

A obra de Franz Joseph Haydn (1732 – 1809) é tão vasta que o conjunto The Aeolian String Quartet necessitou de vinte e sete discos (etiqueta Decca inglesa) para realizar a sua integral dos quartetos de cordas. Um número impressionante, é verdade, mas que empalidece razoavelmente quando comparado aos quarenta e oito LPs distribuídos em 10 caixas (Decca) onde estão todas as suas sinfonias – mais de cem – registradas meticulosamente por Antal Doratti – a frente da Orquestra Philharmonica Hungarica.

Mas papa Haydn, está claro, não escreveu apenas sinfonias e quartetos. Inventou, entre tantas outras coisas, ao redor de vinte óperas (algumas para marionetes), quatorze missas, mais de trinta concertos para instrumentos solistas variados, além de sessenta sonatas para teclado. Vivendo a maior parte de sua vida como simples empregado do castelo do riquíssimo príncipe Esterházy, nos arredores de Viena, Haydn tinha todo o tempo para compor, ensaiar e apresentar suas partituras. Fato que, em parte explica a sua incrível fertilidade. Alimentando-se das melodias e dos ritmos folclóricos que ouvia em sua Áustria multinacional, ele soube incorporá-los aos seus tecidos sonoros extremamente requintados, concentradíssimos de informações sabiamente escondidos sob uma superfície sempre brilhante.

Os discos contendo músicas de Haydn arrolados são (salvo duas únicas exceções) os disponíveis em discos nacionais, Não são portanto, “os melhores”, são os que existem. Ouvindo-os poder-se-á, sem dúvida, ter uma boa ideia inicial de uma obra que se erige em monumento e que, elegante e tantas vezes discreta, aponta para os prazeres reticentes de “ouvir estruturas” ….

Discoteca Básica
Três Quartetos Opus 71 e 74 (Vanguard/Copacabana)
Antes de serem mais ouvidos, eles eram mencionados nas enciclopédias como “obras primas injustamente esquecidas”.
Partituras ultramaduras elas são exploradas com acuidade pelo The Griller String Quartet neste volume da série Historical Anthology of Music do Bach Guild.


  • Publicação: Jornal da Tarde (São Paulo / SP – Brasil)
  • Data: Quinta-feira, 25 de maio de 1978
  • Título: A vasta obra de Haydn, disponível em 12 discos nacionais (1978) – I

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *